Aprender a se doar

"As pessoas que, como eu, são voluntárias aprendem mais do que ensinam"

Paulo foi homenageado por realizar trabalhos voluntários como professor de judô

No dia 17 de setembro de 2015, a Câmara Municipal de Pouso Alegre-MG realizou uma sessão especial em comemoração ao dia do voluntário. A data - instituída pela Lei 7.352 de 1985, pelo então presidente da República, José Sarney - reconhece e destaca o trabalho das pessoas que doam tempo, trabalho e talento, de maneira voluntária, para causas de interesse social e para o bem da comunidade.

Na ocasião, o aluno de Educação Física – Licenciatura, do polo Claretiano de Pouso Alegre, Paulo Nogueira, recebeu uma homenagem por seus trabalhos voluntários como professor de judô em entidades como a APAE, CAIC e instituto Felippo Smaldone. O nome do aluno Paulo Nogueira foi indicado por um dos vereadores da cidade, que, juntamente com seus colegas de Câmara, teve a oportunidade de destacar pessoas importantes na realização trabalhos voluntários na cidade.

Em nome dos homenageados, nosso aluno falou do trabalho realizado pelos voluntários, que sem esperar nada em troca se colocam à disposição da sociedade e acabam por receber a melhor remuneração: a amizade.

"As pessoas que, como eu, são voluntárias aprendem mais do que ensinam. Nós somos gratos por sermos voluntários. Por podermos aprender o que é o Brasil. Por aprender a se doar. É uma lição de amor doar-se e receber muito mais do que se consegue dar", destacou Paulo. 

Parabéns aos nossos alunos que enobrecem nossa instituição com seus testemunhos de amor à educação.

Conheça também outras histórias de nossos ex-alunos

Conheça todas as histórias