Dedicação, esforço e vitória

"Sou apaixonada pela minha profissão, pela educação e sei que ainda há um longo caminho pela frente, mas conquistas são adquiridas com muito trabalho. "

Natalia é ex-aluna do curso de Ciências Biológicas e desde sua formação teve muitas conquistas profissionais e pessoais. Ativista, cheia de energia e muito inteligente. Confira a história completa de Natalia aqui:

Tive o prazer de ser aluna do curso de Ciências Biológicas - Licenciatura, no Claretiano - Centro Universitário. No tempo em que estudei, contei com um excelente corpo docente, que foram essenciais para que eu construísse a minha trajetória profissional.

Me formei em 2010 e, em 2011, já se iniciaram minhas conquistas. Tive a honra de apresentar meu artigo de conclusão de curso no VI Congresso Mundial de Educação Ambiental (6th World Environmental Education Congress - WEEC), que ocorreu em Brisbane, na Austrália. Entre os mais de 800 participantes, de todas as partes do mundo, eu estava entre os 26 brasileiros que representaram projetos e ações de educação ambiental, realizados em nosso país. Essa foi, com certeza, uma das maiores e mais enriquecedoras experiências da minha carreira.

Após me graduar, entre 2011 e 2013, realizei o curso de especialização em Ensino de Ciências por Investigação, na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). 

Graças à excelente formação que tive no Claretiano, durante a graduação, fui aprovada em um concurso como professora de Biologia, pela Secretaria Estadual de Educação de São Paulo. Em 2013, ingressei na Escola Estadual Antônio Augusto Lopes de Oliveira Junior, onde atuo como professora de Biologia e Ciências até os dias de hoje.

No ano passado (2017), em conjunto com meus alunos da 3ª série do Ensino Médio, criei um projeto chamado Ecomitos. Este é composto por estudantes unidos em prol do mapeamento, divulgação e valorização do trabalho de catadores autônomos de reciclagem do município de Batatais/SP.

Ao notar o potencial do projeto, o inscrevi no prêmio "Resposta para o Amanhã", promovido pela Samsung e apoio do Cenpec - Educação, Cultura e Ação Comunitária e da UNESCO - Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. Entre os 1.300 inscritos, de todos os cantos do país, fomos vencedores da etapa regional (Sudeste) e ficamos entre os 25 projetos finalistas. É uma grande satisfação ter esse reconhecimento, sabendo que o projeto contribuiu para a formação escolar e humana dos meus alunos e está mudando a vida de catadores de reciclagem em nossa cidade.

Hoje, sou grata a todos os professores que contribuíram para a minha formação acadêmica e humana, especialmente, por reforçarem em mim o amor pela educação. Por me fazerem acreditar que ser professor vale a pena e que causas ambientais são urgentes e precisam de pessoas engajadas para lutar a seu favor.

Para finalizar, externo a minha gratidão ao Claretiano com outros três eventos recentes na minha carreira profissional: a primeira, foi a impressão da minha apostila de Educação Ambiental para Professores, escrita por mim e financiada pelo COMDEMA - Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Batatais. Clique aqui para acessar; a segunda, foi a minha aprovação no concurso para Diretor de Escola, da Secretaria Estadual da Educação; e a terceira, meu aceite no Mestrado em Planejamento e Análise de Políticas Públicas, com linha de pesquisa em política e gestão educacional, da Unesp - Franca, em 2018.

Tenho muito orgulho em dizer que fui aluna do Claretiano, que tive ótimos professores e que conquistei muito até hoje graças à minha formação. Também sou grata a Deus e à minha família, que sempre me apoiou em todas as minhas escolhas e projetos. Sou apaixonada pela minha profissão, pela educação e sei que ainda há um longo caminho pela frente, mas conquistas são adquiridas com muito trabalho. 

 

Saiba mais sobre os projetos da Natalia:

Ecomitos: Instagram e Facebook

Documentário - A vida dos catadores de reciclagem.

 

Conheça também outras histórias de nossos ex-alunos

Conheça todas as histórias